Prefeitura Municipal de Santana
quinta, 17 de janeiro de 2019 - 12:28h
Profissionais da Semsa discutem Plano Municipal de Educação Permanente em Saúde
O encontro foi promovido pela Prefeitura de Santana, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa)
Por: PMS COMUNICA
Foto: Márcia Facundes
De acordo com a assessora técnica da Semsa, Elza Guerra, o Plano, tanto em nível estadual quanto municipal, deve ser construído coletivamente, ouvindo os profissionais que atuam na área sobre as suas necessidades em educação permanente.

Profissionais que atuam nas unidades de saúde do Município se reuniram, na última terça-feira, 15, no auditório do Preparatório Municipal, para discussão e elaboração do Plano Municipal de Educação Permanente em Saúde.

O encontro foi promovido pela Prefeitura de Santana, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), tendo reunido profissionais da Equipe de Saúde da Família (ESF), Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF-AB), Saúde bucal, Vigilância em Saúde, Vigilância Ambiental, Vigilância Epidemiológica, Imunização e da Assistência Farmacêutica.

O Plano é uma estratégia do Ministério da Saúde, através da Política Nacional de Educação Permanente em Saúde (PNEPS) e do Programa para o Fortalecimento das Práticas de Educação Permanente em Saúde (PRO EPS-SUS), tendo por objetivo estimular, acompanhar e fortalecer a qualificação profissional dos trabalhadores da área da saúde, a partir da realidade local e da análise coletiva dos processos de trabalho.

De acordo com a assessora técnica da Semsa, Elza Guerra, o Plano, tanto em nível estadual quanto municipal, deve ser construído coletivamente, ouvindo os profissionais que atuam na área sobre as suas necessidades em educação permanente, para que possam oferecer uma assistência mais qualificada e que acompanhe as mudanças propostas pelo sistema nacional de saúde.

Os profissionais e a equipe técnica da Semsa apontaram como a principal necessidade educacional a realização de cursos para melhorar o processo de trabalho, desde o acolhimento com classificação de risco, perpassando por qualificações nos atendimentos aos pacientes com hanseníase, tuberculose e outras doenças e, ainda, para melhorar o serviço em áreas como imunização, pré-natal e preventivo do câncer do colo uterino.

A técnica da Semsa enfatizou, ainda, que os técnicos também vão pleitear cursos de especialização em nível superior e cursos de aperfeiçoamento e treinamentos, além de capacitações para todos os profissionais com foco na educação básica, durante as oficinas estaduais sobre o Plano Regional de Educação Permanente em Saúde, a serem realizadas nesta sexta-feira, 18, em Macapá, quando estarão em análise as demandas comuns aos municípios amapaenses, para inserção no documento.

De acordo com a chefe do Departamento de Saúde da Família da Semsa, Joyce Nazario dos Santos, o encontro foi fundamental para levantar os instrumentos de qualificação a serem implementados para a melhoria do atendimento na rede municipal de saúde, ressaltando, também, que as reivindicações surgiram a partir dos problemas cotidianos referentes à atenção à saúde e à organização do trabalho em saúde.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

SANTANA - Prefeitura Municipal de Santana
Av. Santana, 2913 - Paraíso, Santana - AP, 68928-060 - -
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2019 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá